Textos


Qual a lata mais amassada?

O que dizer das latinhas encontradas na praia?
Em um único ponto específico, Praia da Rua 1600 - Itapoá-SC, vemos o seguinte cenário:

Brahma 28,3%
Skol 24,0%
Budweiser 7,8%
Antartica 5,0%
Kaiser 4,2%
Amestel 4,0%
Heineken 3,9%
Itaipava 3,7%
Wienbier 3,2%
Proibida 3,1%
Schin 2,5%

Outras 5,0% *
R.E.S. 5,3% **

Os números em quantidade por marca serão omitidos por razões do processo de contagem contínua.
Estes percentuais correspondem ao consumo de 14/12/2017 à 11/04/2018. Total de latas 2.362
São latas encontradas sem a preocupação da procura, ou seja, aqueles consumidores que desprezam suas embalagens nos cestos de lixos e/ou jogadas na orla dessa praia, o que lamentamos a falta de cuidado com o meio ambiente.
No decorrer do mês e sempre que notar alterações no quadro acima, atualizarei para o acompanhamento de quem achar interessante. (última atualização: 11/04/2018)


Os lacres são enviados para entidades apropriadas para a troca por cadeiras de rodas.
Latas doadas à catadores anônimos e/ou vendidas.


Não se esqueçam, "se beber, não dirija".
*
Bamboa, Bavaria, Bohemia, Burguesa, Caracu, Colonia, Devassa,  Eisenbaum, Opa e Stella Artois.
**R.E.S. Refrigerante/Energético/Suco

======================================================================
LuizcomZ
Enviado por LuizcomZ em 13/11/2017
Alterado em 11/04/2018
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original ("Você deve citar a autoria de Luiz Antonio de Campos e o site www.luizcomz.com"). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários