Textos


... tô fora!

Depois do que vi e ouvi na sessão pública da câmara de vereadores (nesta segunda-feira p.p.26/03/2018), em minúsculo, pois não tem nada de maiúsculo ali, penso que minhas convicções a respeito da possível volta do Dr Mendel para o P A 24 horas de Itapoá, estou considerando que agora sou eu quem não quer mais que ele volte. Não com essa administração. Se, diante de câmeras, com gravação ao vivo para a população, diante de um bom números de heroicos representantes da população Itapoaense, eles fazem o que fazem, rasgam e pisoteiam no Regimento Interno por eles mesmos criado e aprovado, que dirá às escondidas, como no caso dos 'colegas' do P. A. 24h, em que pessoas que se diziam amigas e amigos do Dr Mendel, fizeram o que fizeram alegando que ele chegava atrasado ao plantão. É fato, por vezes chegou atrasado sim. Mas, e as vezes em que saia após as 20, 21, 23 horas ou que ficava cobrindo plantão de colegas que por motivos vários não puderam comparecer. Isso os ‘amiguinhos’ esquecem! Ou tantas vezes que o chamaram em seu dia de descanso e folga para atendimentos de urgências e emergência, pois ele é um dos poucos plantonistas que reside em Itapoá; que a equipe de retaguarda, leia-se, enfermagem, exigia que ele fosse atender na emergência, pois, segundo esses mesmos ‘amiguinhos’ sempre diziam que preferiam ele a outro médico, pois confiavam nele e só nele, isso não conta? Ou quando era para atender os seus familiares, dos 'amiguinhos'. Chegar atrasado é privilégio somente dele? Você, que se diz diretor(a) do P.A., nunca chegou atrasado(a)? Sua vida é um relógio suíço? Pois nesta segunda feira, mesmo dia da malfadada sessão na câmara, teve médico chegando atrasado que me disseram. E ai? Como fica a situação? Porque não assume que é por pura inveja? Que é pessoal? Que é por falta de caráter e tem que acatar ordem de secretária de saúde de um alcaide condenado em segunda instância, e que por meio de mandado de segurança e outras artimanhas que a lei brasileira, diga-se de passagem, falha e cheia de brechas permite, ocupa lugar que não deveria, pois já era ficha suja e continua ficha suja. Não era nem para ter disputado o pleito. E bastam apenas 4 (quatro) vereadores que lhe dão cobertura, para aprovarem leis e decretos, liberarem dinheiro de onde não tem, passando por cima do próprio regimento por eles criados. É esse o nível de política do brasil, também minúsculo, agora dá para entender o que o ‘molusco’ fez com o aparelhamento do STJ, assim é, e tanto pior, a situação de nossa cidade. Tem uma vantagem, se você for da igreja do prefeito, não precisa fazer concurso público.
Escrevi alguma coisa errada? Qualquer coisa, é só clicar em comentar que eu corrijo.

Em tempo: quando falo dos 'amiguinhos', são três. Pois o P. A., tem muita gente boa, honesta e parceiros. Mas esses três, agem na surdina, pelas costas e na calada da noite, não mostram nem o dedo, que dirá a cara.
LuizcomZ
Enviado por LuizcomZ em 28/03/2018
Alterado em 28/03/2018
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original ("Você deve citar a autoria de Luiz Antonio de Campos e o site www.luizcomz.com"). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários