Textos


João e Maria


Desde a mais remota existência, fixarei em Moisés
para limitar uma data, o homem tem privilégios
nesta vida que a mulher jamais teve.
Quando nos foi passada a ideia de imaginarmos a
figura de Deus, a que nos remetia a silhueta?
Do homem. Um ser imenso, grandioso, forte,
poderoso, porém, masculino.
Tanto que é Deus e não Deusa. Deixando de lado o
que sabemos hoje, sem nos prender aos estudos e
conhecimentos adquiridos ao longo de nossas vidas,
a figura de Deus sempre foi essa. A pergunta que me
faço é, porque então está reservado a João todo o
privilégio? Sinto-me envergonhado diante do que eu
tenho que fazer, para passar por esta existência,
sabendo que Maria sofre imensamente mais do que
eu, tem dores muito maiores que as minhas, suporta
muito mais vilipêndios e ainda por cima ganha menos
que eu. O que eu tenho que fazer para alcançar a
glória ela também faz. Ser fiel aos mandamentos é
tarefa para ambos. Perante Deus e aos homens temos
direitos e deveres. Porque então a maioria dos direito
e deveres são estabelecidos desde sempre pelo
homem? Quando grafei em itálico a palavra
envergonhado, é que minha missão é ínfima e pode
ser a mesma de Maria, como de fato bem o sabemos
hoje, mantenedor e provedor de um lar, uma família.
Dar moradia, alimentação, proporcionar saúde e
educação, é o mínimo que eu poderia fazer para
assegurar-lhe uma vida digna. E não estou falando
em atenção, reconhecimento, carinho e amor.
Falei apenas de coisas materiais. Qualquer Maria faz
isso hoje em dia. Só que ela ainda tem que dispensar
todo o seu amor, para gerar em 9 meses de gestação,
mais um João. E provavelmente um que lhe dirá no
momento mais crucial, um não.
Negar-lhe-á como mãe, não lhe assegurará quando
idosa, não lhe dará sequer o respeito e consideração
pelo dom da vida.
Terá Deus, masculino, privilegiado João?
A mim só resta acreditar que voltemos ‘Marias’ para
entender essa difícil missão de não ter nascido João.
 


Em tempo: penso na Maria olhando para o planeta terra,
não só onde minhas vistas alcançam, por demais limitadas.


Da série, Porque Acredito em Reencarnação 2

Foto: Câmera DSC-WX50 5,71MB 4608x3456 Pixels 13/11/2014
LuizcomZ
Enviado por LuizcomZ em 05/12/2014
Alterado em 03/07/2017


Comentários